Cresce foco da indústria na produção de cosméticos seguros

maio 14, 2019




Consumidor está mais atento ao que consome. Dra. Maria Inês Harris, do Instituto Harris, elenca medidas para escolher itens de marcas que apostam no conceito de "beleza limpa" e prezam pela excelência




São Paulo, 08 de maio de 2019 – Produtos cosméticos com ingredientes tóxicos infelizmente ainda circulam no mercado brasileiro, colocando em risco a saúde dos consumidores. Potencialmente perigosos, existem componentes que têm chances consideráveis de desencadear desde reações alérgicas até outros problemas graves no longo prazo. Diante da probabilidade de toxicidade dos cosméticos, a garantia de segurança nas formulações ganha, a cada dia, maior importância para o consumidor, e já é uma realidade para as indústrias que se preocupam com o bem-estar das pessoas.

"O consumidor está mais informado, cuidadoso consigo e com o meio-ambiente. As indústrias de referência investem cada dia mais no desenvolvimento e produção de cosméticos seguros e bem formulados", explica a Química Ph.D. Dra. Maria Inês Harris, Diretora Executiva do Instituto Harris, exclusivamente voltado à avaliação de segurança dos ingredientes e produtos cosméticos.

Segundo a especialista, a primeira medida para o usuário se certificar sobre o controle de qualidade dos componentes de um produto é ler seu rótulo. É importante salientar que a pesquisa sobre os componentes dos cosméticos deve ser realizada de forma imparcial e cética, já que há muitas informações não validadas publicadas na internet. Quem quiser conferir a segurança dos ingredientes e formulações cosméticas pode baixar o app Cosmetopeia, do Instituto Harris, disponível para Android e, futuramente, para iOS https://www.harris.com.br/cosmetopeia.

"Não é preciso ser expert em cosmetologia para pesquisar sobre a toxicidade dos ingredientes, no entanto, é necessário ter atenção com conteúdos disseminados de forma distorcida na web. É recomendável acessar as informações sobre a marca, os cuidados e o comprometimento que ela tem com saúde, sustentabilidade e meio ambiente", aconselha a especialista.

A quantidade ou concentração dos ingredientes na formulação faz diferença na hora de definir se um cosmético é seguro. Isso porque as dosagens de componentes e cálculos para formulação das substâncias são determinantes para que uma composição seja, ou não, tóxica. Componentes geralmente conhecidos como "não tóxicos" e comuns podem causar danos, se utilizados em doses inadequadas, bem como alguns considerados nocivos, em dosagem segura, podem causar nenhuma toxicidade.

Vale investir em marcas conceituadas, que buscam os ingredientes e certificações de qualidade e segurança para seus produtos. "Existem produtos que estão à venda por valores muito baixos, que apresentam componentes tóxicos, impuros e de baixo custo. Isso ocorre porque a tecnologia utilizada para desenvolver cosméticos com ingredientes limpos e formulações de excelência pode ser complexa e mais onerosa do que os recursos empregados para criar produtos potencialmente tóxicos", justifica a Dra. Harris.

Sobre a Dra. Maria Inês Harris – Diretora Executiva do Instituto Harris, a Dra. Maria Inês Harris é Química, com Ph.D. em Química (UNICAMP) e Pós-Doutorado em Toxicologia Celular e Molecular de Radicais Livres (UNICAMP) e em Lesões de Ácidos Nucleicos (CNRS, França) e é certificada no curso "Avaliação da Segurança dos Cosméticos na UE" (Universidade de Bruxelas, Bélgica). Atuou como gerente técnica de Pesquisa Clínica na Allergisa Pesquisa Dermatocosmética, gerente de segurança de produtos da Natura e especialista em métodos HPLC (High Performance Liquid Chromatography) na Alcon Laboratórios. Também foi professora do Curso de Especialização em Cosmetologia das Faculdades Oswaldo Cruz (São Paulo) por 19 anos e coordenadora de Pesquisa Institucional da Universidade Bandeirantes (atual Anhanguera) no Brasil. É autora dos livros "Pele - Estrutura, Propriedades e Envelhecimento" e "Pele – do Nascimento à Maturidade".

Sobre o Instituto Harris – Exclusivamente voltado à avaliação de segurança dos ingredientes e produtos cosméticos – desde seu desenvolvimento até a produção –, assim como à consultoria científica e aos programas de treinamento e capacitação profissional relacionados às Boas Práticas da Fabricação (BPF), o Instituto Harris é referência em serviços de avaliação de riscos. Sua equipe experiente oferece suporte às atividades de criação de ativos e de produtos cosméticos desenvolvidos sob os mais altos critérios de segurança, sem o uso de testes em animais, para empresas nacionais e internacionais. Para mais informações, acesse o site, FB, Instagram e Youtube, ou entre em contato pelo tel. (11) 3129-5398 ou e-mail contato@harris.com.br.

Veja também!!

0 comentários

Curte aí...

Direitos Autorais

Algumas imagens deste blog são retiradas da internet. Se alguma dessas imagens aqui publicadas, estiver protegida por direitos autorais, e caso não concorde com a sua publicação, por favor entre em contato para que a mesma seja retirada.

Seguidores