Em meio à pandemia da Covid-19, as mães assumem a frente

 


Enquanto a Covid-19 assola a saúde mundial, na linha de frente dessa batalha, está a presença de quem jamais se entrega numa batalha: as mães. Aliás, em meio à pandemia, são elas que definem e assumem muito mais responsabilidades.

Sem contar que ser mãe em tempos de pandemia requer muito mais das mulheres. Afinal, elas tendem a sentir mais profundamente sentimentos como vulnerabilidade e solidão. Confira a seguir algumas dicas para você ficar munida de mais informações sobre o assunto.

A mãe de hoje em meio à pandemia do coronavírus

Até o século passado, uma mulher costumava ser caracterizada com um avental sujo e pouca voz ativa. No entanto, hoje ela é multifacetada e dinâmica. Aliás, é justamente a fase da maternidade que exprime a mais importante, complexa e apaixonante de suas facetas.

Por outro lado, até mesmo as mães passaram a conquistar espaço na sociedade e no mercado de trabalho. De qualquer forma, não importa o momento histórico que atravessamos agora. Pois a humanidade pode contar com os capítulos de força e braveza que as mães sempre escrevem.

Enfim, o momento é decisivo para que todos reconheçam que as mães também são responsáveis por ajudar no combate à epidemia. Afinal de contas, com o isolamento social, a estratégia de combate à covid-19 ganha uma líder que sabe muito bem o que é ser multitarefa.

Falta de apoio reforça atitude de mães

Além das tarefas diárias, outro grande problema das mães brasileiras frente à pandemia, é a falta de apoio de todos os âmbitos governamentais. Afinal, devido ao isolamento, crianças chegam a ser proibidas de frequentar creches e escolas. Além do mais, nenhuma mãe pode sair pelas ruas e socializar com as demais pessoas.

Sem independência e autonomia a pressão para cumprir suas responsabilidades fica ainda maior. De qualquer forma, procure superar a fase e suas inúmeras funções, tentando romantizar a sua maternidade.

O desafio de ser mãe durante a pandemia

Ao certo, adaptar-se a novas medidas de hoje é difícil para qualquer mãe. Pois os filhos precisam estudar, brincar e até se ajustarem ao estudo remoto. Em relação ao marido, o estresse vem do trabalho home office, e a pressão do mercado.

Devido a tudo isso, um ano após o início da pandemia, pode-se perceber que as mães estão se mostrando mais vulneráveis. Ou seja, apesar de a maternidade ser uma fase de desejo por muitas mulheres, agora o desafio é duplo.

Mães assumem a frente em meio à pandemia de covid-19

Se antes do lockdown elas já colocavam tudo nos eixos, agora é hora de as mães assumirem de vez o posto de comandantes. Afinal, ser mãe em meio a uma pandemia é estar na linha de frente de uma grande batalha. Afinal, conciliar tantas responsabilidades e funções requer estratégia e prática.

Como se não bastasse, muitas mães também se tornaram chefes de família nessa fase. Afinal de contas, muitas pessoas perderam os empregos. E a melhor alternativa que a grande maioria encontrou foi investir no trabalho remoto.

Nesse contexto, além de mães e donas de casa, muitas mulheres também estão executando atividades profissionais em casa, para ajudar nas despesas.

Sem contar que ainda é preciso controlar a montanha-russa emocional que envolve os filhos. Pois eles podem sofrer indiretamente pelo momento, e apresentarem dificuldades ao se alimentar, dormir e até desfrutar horas de lazer.

·         Busque alguém para conversar sobre seus problemas;

·         Use as redes sociais para compartilhar experiências,

·        Entre em blogs diversos como o de moda Estilo Quem Tem e leia as dicas

·         Invista em hobbies caseiros.

Enfim, para encarar tudo isso, saiba que você não está sozinha nessa guerra estressante.

Procure soluções saudáveis para ajudar a lidar com as tensões do dia a dia.


Referências: melhordeverdade.com


Postagens Recomedadas

0 comentários